Prefeito de Palmitinho esfaqueado por moradora fala de ataque: 'Jamais eu pensei que ela fosse capaz de tanta maldade', diz

Por Editor em 26/11/2021 às 18:15:38
Caetano Albarello, de 76 anos, comentou ocorrência pela primeira vez. Segundo Polícia Civil, confusão após medição de terreno motivou ação da moradora, que segue presa. 'Maldade', diz prefeito de Palmitinho esfaqueado por moradora

O prefeito de Palmitinho, no Noroeste do Rio Grande do Sul, se manifestou pela primeira vez sobre o ataque que sofreu na segunda (22). Caetano Albarello, de 76 anos, foi esfaqueado por uma mulher dentro da prefeitura. O chefe do Executivo chegou a ficar hospitalizado, recebendo alta na terça (23).

Em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (25), o prefeito disse que está se recuperando do susto e que "não chegou a ter conhecimento das razões com que a pessoa chegou ao gabinete com tanta fúria". Veja o vídeo acima.

"Ela sempre procurou tomar conta e dominar a área da região lá, então foi só o que aconteceu, mas jamais eu pensei que ela fosse capaz de tanta maldade", afirma.

Albarello ainda afirmou que, ao ver que a mulher portava uma faca, procurou sair do gabinete para não ficar sozinho. Segundo o prefeito, ele já teria recebido a moradora em ocasiões anteriores para discutir a situação fundiária no município.

"Nem eu tenho noção de como eu me defendi, mas eu percebi que ela era capaz de qualquer coisa dentro do gabinete e procurei sair, para pedir socorro para alguém que estivesse no corredor", relata.

Mulher esfaqueou prefeito após confusão sobre terreno

Prefeito de Palmitinho Caetano Albarello, de 76 anos

Divulgação / Prefeitura de Palmitinho

A autora do crime, de 35 anos, segue presa. A delegada Cristiane Van Riel Santos relatou que tudo começou quando funcionários da prefeitura foram até um loteamento na cidade medir um terreno para fins de regularização fundiária e a mulher não concordou com o trabalho.

Depois, a mulher, foi até a prefeitura, quando desferiu os golpes. A Polícia Civil segue ouvindo testemunhas. Sete pessoas já prestaram depoimento.

"A gente percebe pelas imagens que eles tiveram um certo desentendimento, uma luta corporal, um empurra-empurra. Nesse momento, ela puxa de baixo da blusa dela, ela tira uma faca, a faca que foi apreendida, e desfere vários golpes contra o prefeito", relata a delegada.

A mulher permaneceu em silêncio no depoimento. Ela foi conduzida para um presídio de Frederico Westphalen, a 20 km de Palmitinho.

Caetano Albarello (PDT) foi eleito em 2020 com 2.284 votos, cerca de 46% do eleitorado de Palmitinho. A cidade tem população estimada de 7 mil pessoas.

Mulher de 35 anos foi presa em flagrante após esfaquear prefeito de Palmitinho

Polícia Civil/Divulgação

VÍDEOS: Tudo sobre o RS
Comunicar erro
Tia carmen

Comentários

ascol