Gruta Azul

Cachoeirinha decreta situação de emergência por problemas na coleta de lixo

Por Editor em 16/10/2021 às 18:48:29
Ministério Público pediu a suspensão de contrato com empresas suspeitas de envolvimento em corrupção, mas terceirizadas contratadas emergencialmente não deram conta da demanda. Acúmulo de lixo em contêiner na cidade de Cachoeirinha

Reprodução/RBS TV

A Prefeitura de Cachoeirinha, na Região Metropolitana de Porto Alegre, decretou situação de emergência, nesta sexta-feira (15), em razão de problemas na coleta de lixo. A ação, com validade de 30 dias, "autoriza a adoção de todas as medidas administrativas necessárias" para a retomada do serviço.

Na terça-feira (12), a prefeitura contratou uma empresa de forma emergencial, que não está dando conta de recolher todo o lixo que ficou acumulado. Durante a vigência da situação de emergência, o município pede que a população evite o descarte de resíduos que não estejam devidamente embalados nos contêineres.

"O que a gente pede que a população tenha um pouquinho de paciência com a gente e dê uma seguradinha no lixo, que, mais tardar, lá por quinta ou sexta-feira [dias 21 e 22 de outubro], estará normalizado", diz o prefeito em exercício, Mauricio Medeiros.

Porto Alegre repassa verba para que coleta de lixo seja retomada

Vizinha a Porto Alegre, Cachoeirinha tem 132 mil habitantes. A população da cidade reclama do acúmulo e do cheio do lixo nas ruas.

"Esse lixo sem recolher, acumulando e acumulando, exala um cheiro muito forte", comenta o cabeleireiro Nelson Costa.

O recolhimento de lixo parou por uma semana, porque o Ministério Público pediu a suspensão dos contratos com as empresas que faziam a coleta. As companhias são investigadas por envolvimento em um suposto esquema de corrupção. O caso levou ao afastamento do prefeito Miki Breier, em 30 de setembro.

Segundo a prefeitura, a empresa que prestava o serviço anteriormente contava com sete caminhões (quatro de recolhimento manual e três mecanizados) para coletar três toneladas de lixo por mês. Já a substituta, contratada emergencialmente, só tem quatro veículos de coleta manual. Uma outra empresa deve reforçar o serviço na segunda-feira (18), com mais quatro caminhões.

VÍDEOS: Tudo sobre o RS
Comunicar erro
Dill Pedras

Comentários

Gruta Azul