Últimas Notícias Noticias

Polícia investiga morte de homem durante abordagem da Brigada Militar em Erechim; VÍDEO

Por Editor

24/03/2023 às 20:37:15 - Atualizado h√°
Rudimar Rolim Machado, de 37 anos, foi morto na quinta-feira (23) após uma confusão em um bar, às margens da BR-153, na entrada do município. Homem é morto durante abordagem da Brigada Militar em Erechim

A Polícia Civil investiga a morte de um homem durante uma abordagem da Brigada Militar (BM) em Erechim, no Norte do Rio Grande do Sul. Rudimar Rolim Machado, de 37 anos, foi morto na quinta-feira (23) após uma confusão em um bar, às margens da BR-153, na entrada do município.

A vítima era soldador e também dava aulas de capoeira na cidade. Segundo um irmão de Rudimar, ele “era um baita pai de família, um cara trabalhador”.

''Não deu voz de prisão pra nós, não gritaram "vocês estão presos", nada disso. Aí ele veio, empurrou meu irmão, ele afastou o meu irmão dele, arrancou a pistola e atirou no coração do meu irmão, foi um tiro só'', relata Dilamar Carlos Machado.

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram Rudimar já caído no chão, após ser atingido pelo disparo no peito. Um outro homem envolvido na confusão pede calma ao policial, que permanece de arma em punho. O PM ainda dá um tapa no rosto do homem. Um terceiro homem levanta e também é agredido com um soco no pescoço e, em seguida, um chute na barriga. Veja vídeo acima.

Rudimar foi encaminhado para atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. Ele deixa a mulher e duas filhas, de três e treze anos.

O policial que efetuou o disparo que matou Rudimar foi identificado. Ele é soldado e trabalha há 11 anos na corporação.

Homem morreu durante abordagem da Brigada Militar em Erechim

Arquivo Pessoal

O Comando Regional da Brigada Militar abriu inquérito para apurar o caso e afastou do policiamento das ruas os dois PMs que aparecem nas imagens. Eles permanecerão em atividades administrativas até o fim das investigações.

''Foi designado um capitão do 3¬ļ Regimento de Passo Fundo para conduzir a investigação e garantir uma maior isenção, para que a gente possa ter o mais rápido possível o desfecho do que aconteceu, já que os fatos estão postos. O evento morte, obviamente, nunca é desejado pela Brigada Militar'', diz o comandante regional, tenente-coronel Cilon Freitas da Silva.

A Polícia Civil também vai abrir inquérito para apurar as responsabilidades pela morte de Rudimar.

VÍDEOS: Tudo sobre o RS
Comunicar erro
Poa 24 Horas

© 2023 Poa 24 Horas

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Poa 24 Horas