TV NEWS

Inter vence, afunda São Paulo e fica perto do vice-campeonato no Brasileirão

O time colorado fez 1 a 0, gol de Mauricio, e pode confirmar o segundo lugar nesta quarta-feira

Por Gervásio do POA 24h em 09/11/2022 às 04:43:23

O Inter viveu mais uma noite vitoriosa no Morumbi. Nesta terça-feira (8), o triunfo de 1 a 0 sobre o São Paulo, com gol de Mauricio, serviu para encaminhar o vice-campeonato brasileiro para o time de Mano Menezes. O Colorado pode ter a confirmação da segunda posição com a premiação de R$ 42,7 milhões da CBF nesta quarta-feira (9) caso Fluminense e Corinthians não vençam seus jogos. Os cariocas recebem o Goiás, enquanto os paulistas visitam o Coritiba.

Com a vitória no Morumbi, o Inter alcançou os 70 pontos, igualando sua melhor campanha na era de pontos corridos, no Brasileirão de 2020, quando foi vice-campeão perdendo o título para o Flamengo na última rodada. Neste ano, porém, a situação é diferente. A campanha feita pelo Palmeiras não permitiu que a equipe de Mano Menezes disputasse a taça até a rodada final com essa pontuação. O Alviverde será o adversário no encerramento da temporada, no próximo domingo (13), às 16h, no Beira-Rio. Suspensos pelo terceiro amarelo, Alan Patrick e Rodrigo Moledo serão desfalques.

Depois de anotar que o gol que abriu o caminho para a vitória sobre o Athletico-PR, Pedro Henrique foi mantido como titular no ataque colorado. A escalação no Morumbi teve apenas uma mudança: Moledo no lugar de Mercado na zaga. No São Paulo, após a discussão com o técnico Rogério Ceni na derrota para o Fluminense, o ex-colorado Patrick foi para o banco. A novidade na equipe paulista esteve na presença de outro atleta com passagem pelo Beira-Rio, o meia-atacante Marcos Guilherme, escalado como ala-direito.

O jogo mal tinha começado quando o Inter levou um susto. Com um minuto, Johnny sentiu dores na perna direita após ser atingido por Rodrigo Moledo em uma dividida com Calleri. O jogador, que mantém a esperança de ser convocado para defender os Estados Unidos na Copa do Mundo, retornou ao gramado depois do atendimento médico. Quando a bola voltou a rolar, Alan Patrick matou um contra-ataque tricolor e levou o amarelo, seu terceiro, ficando suspenso contra o líder Palmeiras.

De começo conturbado, a partida teve a primeira chance clara de gol aos 14 minutos. Alemão recebeu de Pedro Henrique pela esquerda, passou por Ferraresi e chutou por cima do gol de Felipe Alves.

Melhor em campo, o Inter chegou ao gol aos 20 minutos em jogada que envolveu a defesa paulista e terminou com os dois homens de lado do ataque. Pedro Henrique tocou para Mauricio, que bateu entre as pernas de Felipe Alves: 1 a 0

O São Paulo tentou reagir aos 26 e aí apareceu Vitão para impedir o que seria um golaço de Calleri. O argentino recebeu na área e surpreendeu Keiller com um toque de calcanhar. A bola tinha endereço do gol, mas o zagueiro fez o corte para salvar e manter a vantagem colorada no Morumbi.

Atrás no placar, Ceni fez duas trocas para a etapa final. Patrick e Wellington entraram nos lugares de Luizão e Reinaldo. O São Paulo, assim, teve desmanchado seu sistema com três zagueiros. Mano optou por manter o mesmo time dos primeiros 45 minutos.

O São Paulo iniciou pressionando um Inter que teve dificuldade para sair do seu campo nos primeiros minutos. Aos 7, Igor Gomes chegou a balançar as redes, mas o gol acabou anulado após interferência do VAR por uma falta de Rodrigo Nestor em Moledo na área colorada. A anulação do gol gerou muita reclamação dos mandantes, e a partida ganhou maior nervosismo com trocas de empurrões a cada jogada mais forte.

Vendo a dificuldade colorada, Mano optou por mexer na equipe aos 14. Os jovens Thauan Lara e Matheus Dias entraram nos lugares de Johnny e Alan Patrick. Aos 21, uma troca no sistema ofensiva: Wanderson por Pedro Henrique.

Com o fôlego renovado pelas mudanças, o Inter conseguiu sair da pressão do São Paulo. Mesmo sem criar chances para ampliar a vantagem, o Colorado passou a trocar passes no campo de ataque com maior frequência, o que renovou as vaias e críticas da torcida ao time de Ceni.

Mano fez as últimas trocas aos 27 com Taison e Romero nos lugares de Maurício e Alemão. O São Paulo ameaçou duas vezes com Patrick, mas não chegou a levar perigo a Keiller.

As entradas de Taison, Wanderson e Romero não tornaram o Inter mais perigoso ofensivamente. A melhor chance na reta final veio com Thauan Lara. Lá atrás, a atuação consistente da defesa garantiu a vitória por 1 a 0.

O Colorado agora aguarda pelos jogos de Fluminense e Corinthians para saber se já terá a confirmação do vice-campeonato nesta rodada.

37ª rodada - 8/11/2022

SÃO PAULO
Felipe Alves; Luizão (Patrick, int.), Ferraresi e Léo; Pablo Maia; Marcos Guilherme (Nahuel Bustos, 35'/2ºT), Igor Gomes (Talles Costa, 35'/2ºT), Rodrigo Nestor e Reinaldo (Wellington, INT); Luciano (Anderson, 35'/2T) e Calleri.
Técnico: Rogério Ceni

INTER
Keiller; Bustos, Moledo, Vitão e Renê; Johnny (Matheus Dias, 14/'2T) e De Pena; Mauricio (Taison, 27'/2ºT), Alan Patrick (Thauan Lara, 14/'2T) e Pedro Henrique (Wanderson, 21/2ºT); Alemão (Romero, 27'/2ºT).
Técnico: Mano Menezes

GOL: Maurício (I), aos 20min do 1º tempo;
CARTÕES AMARELOS: Rodrigo Nestor, Luizão, Patrick (S); Alan Patrick, Moledo, Vitão, Alemão (I)
PÚBLICO: 19.692
RENDA: R$ 851.853,00
ARBITRAGEM: Wagner do Nascimento Magalhaes (Fifa-RJ), auxiliado por Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ). VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (Fifa-RN)
LOCAL: Morumbi, em São Paulo

PRÓXIMO JOGO
Domingo, 13/11 - 16h
Inter x Palmeiras
Beira-Rio - Brasileirão (38ª rodada)

Comunicar erro
TV NEWS

Comentários

Tia Carmen
Tia carmen