TV NEWS

Golpistas se utilizam das redes sociais para vender falsos pacotes de figurinhas do álbum da Copa do Mundo

Um Jovem de 21 anos foi a primeira vítima, de acordo com a Polícia Civil aqui em Porto Alegre

Por Gê do Poa em 22/09/2022 às 21:15:06

Neste ano de 2022 teremos o inicio da Copa do Mundo, evento que mexe com o coração de milhares de brasileiros. Nos meses de novembro e dezembro, a bola rola no Katar, e, com isso, o tradicional álbum de figurinhas já é sucesso aqui no Brasil.

Já na ânsia dos colecionadores completarem o álbum, golpistas têm sem aproveitado da situação para usarem de golpes para lucrarem com estas pessoas, vendendo falsos pacotes com figurinhas na Internet. Na quinta-feira (15), a Polícia Civil recebeu a primeira denúncia referente a um caso em Porto Alegre.

Um jovem de 21 anos de idade, morador de Porto Alegrel, procurou a polícia após ser vítima do golpe das figurinhas no começo de setembro. No dia 6 deste mês ele viu um anúncio sobre a venda do álbum no Facebook. Com preço atrativo e muitas interações na publicação, decidiu comprar o produto anunciado, mas logo percebeu que se tratava de um golpe. O jovem teve prejuízo de R$ 76.

— Era um anúncio do álbum, com 400 figurinhas, por um preço absurdo. Era abaixo do mercado. Achei que era quente, mas uns 20 minutos depois de realizar o pagamento, notei que era golpe — conta.

Nas lojas, cada álbum custa R$ 12 e um pacote com cinco figurinhas, R$ 4. Ou seja, um álbum com 400 figurinhas teria custo de R$ 332.

O colecionador diz que se deu conta do golpe quando, logo depois de realizar um Pix para a conta indicada pelo anunciante, a publicação sobre a venda foi excluída e ele foi bloqueado pelo perfil dos golpistas. Sem conseguir contato e nem receber respostas sobre a compra ou conseguir contato com o anunciante, o jovem percebeu que havia caído no plano dos estelionatários.

— Eu realizei o pagamento e logo o anúncio sumiu, foi excluído. Depois eles criaram um anúncio novo e me bloquearam — relata.

Então, o jovem decidiu alertar os demais usuários sobre o golpe que sofreu e criou um perfil falso para comentar no novo anúncio, contando a história. Neste novo perfil, ele ainda tentou contato com os golpistas, mas logo foi bloqueado novamente.

— Eu criei um perfil fake e comentei no anúncio novo. Falei que era golpe e alertei outras pessoas para que elas não caíssem. Logo fui bloqueado, mas nesse meio tempo outras três pessoas responderam relatando que já haviam feito a compra também — diz a vítima.

Os anúncios têm milhares de interações, alguns com mais de 12 mil comentários e muitos likes. No entanto, é preciso ter atenção. Boa parte das interações é de perfis falsos, criados pelos golpistas justamente para tentar dar credibilidade ao anúncio. Segundo o jovem, a grande quantidade de comentários chamou atenção na hora da compra.

— Eram muitos likes e comentários, na maioria pessoas falando que já haviam comprado e o álbum chegou direitinho. Mas aí, quando eu abri cada perfil, notei que todos eram falsos. Eram contas criadas há pouco tempo, sem amigos, sem publicações e que devem ser utilizadas apenas para tentar dar autenticidade para o anúncio. Ali eu vi que era golpe mesmo — conta.

Ocorrência

O jovem registrou boletim de ocorrência na quinta-feira (15). A Polícia Civil alerta que, caso você seja vítima de um golpe, o primeiro passo é registrar a ocorrência, para que o caso possa ser investigado.

Segundo a delegada Andrea Magno, titular da 8ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre (8ª DP), este é o primeiro registro do golpe das figurinhas na Capital. Ela ainda reforça que antes de efetuar qualquer pagamento de uma compra, principalmente nas redes sociais, é importante verificar a autenticidade dos anúncios.

— As pessoas sempre devem, antes de efetuar a compra, verificar a autenticidade dos anúncios e desconfiar de ofertas abaixo do valor de mercado — explica a delegada.

Comunicar erro
TV NEWS

Comentários

Tia Carmen