RS identifica mais duas vítimas e chega a 39.340 mortes por Covid

Por Editor em 10/05/2022 às 20:45:20
Secretaria Estadual da Saúde confirmou nesta terça (10) mais dois óbitos, ocorridos em Passo Fundo e Vacaria. Mais 3,95 mil casos foram registrados nas últimas 24h, e 14,5 mil pessoas estão com o vírus ativo no organismo. O Rio Grande do Sul identificou, nesta terça-feira (10), mais duas mortes por Covid-19. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), elas ocorreram nos dias 2 e 5 de maio, nas cidades de Passo Fundo e Vacaria.

Assim, o estado chega a 39.340 vítimas da doença em toda a pandemia e mantém a média móvel de seis mortes diárias.

Houve uma variação de 2% em relação à média de 14 dias atrás. Assim, mantém a estabilidade iniciada no domingo. Veja o gráfico.

A SES registrou ainda mais 3.948 casos de coronavírus. O RS tem, com isso, 2.358.757 infecções conhecidas de coronavírus desde o começo da pandemia.

O número de pessoas com o vírus ativo no organismo e que estão em recuperação é de 14.517, ou seja, aumentou para 0,6% do total de casos. Outras 2.304.769 pessoas são consideradas recuperadas (97,7%). Já a taxa de letalidade aparente, que é a proporção de mortes entre casos conhecidos, é de 1,7%.

A média diária de casos está novamente em alta e é de 2.522 novas infecções conhecidas. Desde a chegada da ômicron, o RS ainda não baixou de 1,5 mil casos diários, em média. A variação em relação há duas semanas, quando estava em 1.907, deixa o indicador com 32% a mais. Veja o gráfico abaixo.

Hospitalizações

A taxa de ocupação dos leitos de UTI no Rio Grande do Sul se manteve em 67%, com 1.721 pacientes em 2.563 vagas, dois a mais do que no fim de semana. Com Covid, entretanto, são 82 com confirmação e 56 com suspeita.

A proporção de pessoas com resultado positivo ou suspeita de síndrome respiratória aguda grave (SRAG) é de 8% do total de internados em terapia intensiva.

Já nos leitos clínicos, de acordo com a atualização mais recente, 254 pacientes têm confirmação e 118 estão com suspeita de Covid.

Os leitos particulares subiram e estão acima de 81% de lotação, nível considerado crítico. Lajeado e Cachoeira do Sul são as regiões Covid que apresentam superlotação de leitos privados. Algumas outras operam acima de 80%, mas não há pacientes em excesso.

Vacinação

A SES atualizou o vacinômetro e retirou cerca de 9,3 mil novas doses aplicadas nos últimos dias, a maioria de segundas doses. O estado tem, assim, 4.778.687 pessoas, ou seja, 41,6% da população com o esquema com três doses ou duas, para quem recebeu a primeira da Janssen.

Além disso, outras 181 mil doses adicionais foram aplicadas em pessoas com baixa imunidade e outras 116 mil como doses de reforço ou quarta dose.

Apesar disso, 2,9 milhões de pessoas estão com o reforço em atraso, além de 738 mil que sequer completaram o esquema vacinal primário.

Nenhuma criança ou adolescente morreu por efeito da vacina, aponta Ministério da Saúde

Há, ainda, 9.084.209 pessoas (79,2%) com as duas doses das vacinas CoronaVac, Pfizer e AstraZeneca ou a dose única da Janssen. Também estão neste contingente 31,7% das crianças vacinadas que receberam duas doses.

A primeira dose das vacinas CoronaVac, Pfizer e AstraZeneca foi aplicada em 9.657.917 pessoas (84,2%). Entre elas, 571 mil crianças entre cinco e 11 anos, que correspondem a 59,2% deste público.

Mapa da vacinação: veja a situação em cada estado

O consórcio de veículos de imprensa utiliza dados atualizados do IBGE. Logo, os dados podem diferir levemente dos levantamentos oficiais das secretarias de Saúde.

VÍDEOS: Tudo sobre o RS

Comunicar erro
Tia carmen

Comentários

ascol