Segunda, 10 de Agosto de 2020
51 992223357
Polícia Polícia

Conselheira-presidente da Agergs é morta em Porto Alegre

Maria Elizabeth Rosa Pereira, 65 anos, foi baleada no início da manhã desta sexta-feira

18/04/2020 13h51
160
Por: Redação
Conselheira-presidente da Agergs é morta em Porto Alegre

A conselheira-presidente da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul (Agergs), Maria Elizabeth Rosa Pereira, 65 anos, foi baleada e morta no início da manhã desta sexta-feira na residência do companheiro, situada na avenida Bento Gonçalves, nas proximidades do Hemocentro do Estado do Rio Grande do Sul, no bairro Partenon, em Porto Alegre. Apontado como autor do crime, o marido dela, o segundo sargento a reserva José Pedro da Rocha Tavares, 49 anos, tentou o suicídio com um tiro de pistola calibre 9 milímetros disparado contra a cabeça, mas ficou gravemente ferido. Ele foi encaminhado pelo Samu ao Hospital de Pronto Socorro.

A Brigada Militar havia sido acionada pelo telefone 190 por volta das 6h20min pelo irmão do policial militar aposentado que reside em uma casa nos fundos do mesmo terreno. Policiais militares da viatura 11059 foram até o endereço e imediatamente isolaram a área. Agentes da EPTC bloquearam totalmente a avenida Bento Gonçalves em ambos os sentidos. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da BM, com efetivo altamente treinado, foi então mobilizado. Cinco policiais militares, dos quais dois com escudos e um com aríete, efetuaram a chamada “invasão tática” dentro da residência.

No interior da casa foi então constatado o casal caído, sendo que ela já estava morta e ele ainda vivo com ferimentos graves. A equipe do Samu ingressou então na moradia para socorrê-lo e levá-lo na ambulância até o HPS. A EPTC inicialmente liberou o trânsito da avenida Bento Gonçalves no sentido bairro-centro e, com o encerramento da ocorrência, foi desbloqueado o trecho no sentido centro-bairro, retornando o tráfego à normalidade.

A residência permaneceu isolada para o trabalho do Instituto-Geral de Perícias. A Polícia Civil também compareceu no local e deve apurar o caso como feminicídio, além de investigar os motivos que resultaram no trágico crime. Titular da 1ª Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Porto Alegre, a delegada Tatiana Bastos afirmou que o casal tinha um relacionamento havia cerca de duas décadas, mas nunca residiram juntos.

“Ela estava na casa dele para visitá-lo desde às 20h de quinta-feira. Ele não estava querendo tomar a medicação. Segundo o irmão, não teve briga e nem discussão, não teve nada...e aí às 4h de sexta-feira ela avisa o irmão dele que ele tinha tomado a medicação e que estava tudo bem…O irmão vai até a casa e fica duas horas com o casal, esperando fazer o efeito da medicação e ver se estava tudo bem mesmo. Quando o irmão volta para a casa nos fundos às 6h já ouviu os dois estampidos", destacou.

A delegada Tatiana Bastos observou que não havia histórico de violência doméstica registrado por Maria Elizabeth. “É muio prematuro saber o que aconteceu…”, lembrou, referindo-se ao fato que as investigações estão começando agora. “Queremos saber qual foi o contexto em que ocorreu o crime pois o casal estava na cama no quarto quando o irmão dele saiu da casa. Ela foi encontrada na porta dos fundos da residência. Ela tentou fugir e correr por algum motivo…”, acrescentou.

O governador Eduardo Leite emitiu nota na qual lamentou o falecimento da conselheira-presidente da Agergs. “Natural de Cachoeira do Sul, Maria Elizabeth era advogada e teve uma extensa e bem-sucedida carreira no setor público. Foi técnica tributária da Secretaria Estadual da Fazenda durante quase 30 anos, diretora-geral e secretária-adjunta da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e diretora do Procon estadual. Também foi procuradora do município de Porto Alegre e, desde dezembro de 2019, presidia a Agergs”, escreveu.

“O governo se solidariza com familiares, em especial o seu filho, e os netos, amigos e colegas de trabalho de Maria Elizabeth, e reforça o agradecimento pelos serviços prestados à sociedade gaúcha ao longo da sua trajetória no serviço público. A sua atuação ficará marcada pela determinação e pela força com que enfrentou todos os desafios que assumiu no Estado”, acrescentou.

@poa24h

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (11/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Quarta (12/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Mais lidas
Anúncio